Como é feito a classificação dos charutos

A categorização é feita de diferentes maneiras, pelo método de produção, tamanho, forma, sabor, intensidade, coloração, ou país de origem. O modo mais comum é por sua forma e tamanho. Embora pareça simples, você poderá se deparar com uma tarefa bastante confusa.

Há muito tempo a indústria utiliza a categoria Corona (seu comprimento deve estar entre 140 e 150 mm e o diâmetro entre 150 e 170 mm) como base para definir os demais formatos.

Atualmente existem várias opções disponíveis no mercado, e muitos fabricantes têm criado seus próprios nomes para determinados tamanhos. Por isso não se espante se acaso você encontrar dois charutos do mesmo tamanho e rotulados com denominações diferentes.

Apesar da falta de padrão entre as marcas, a linguagem empregada proporciona um charme peculiar para arte de degustar um bom charuto.

Tipos de charutos

Cilíndricos:

Cilíndrico – Especiales

lecole_brasil_charutaria_especiales

São módulos especiais cujo comprimento está entre 23,5 e 24 cm ou mais. E o diâmetro em torno de 1,9 cm.

Só existem na forma arredondada e são verdadeiras raridades cuja combustão pode se prolongar por até três horas.

Cilíndrico – Double Coronas

lecole_brasil_charutaria_doublecorona

Com exceção dos Especiales, acima, são os maiores charutos disponíveis, com comprimento de 19 cm e diâmetro de 2 cm. São considerados os imperadores do havana e muito apreciados em todo o mundo. O seu fabrico obedece a princípios muito restritos, e poucas marcas tem o privilégio de poderem estampar este detalhe nos seus charutos.

Cilíndrico – Churchills

lecole_brasil_charutaria_churchill-300x56

Nome dado em homenagem ao ex-primeiro ministro britânico Sir Wiston Churchill, grande apreciador de habanos.

É um habano de dimensões medianas, entre 17 e 17,5 cm e diâmetro variando entre 1,7 e 1,9 cm. As suas variações vão dos suaves aos potentes e são fabricados pela maioria das marcas relevantes, tendo em si um significado de ser um charuto “masculino”.

Cilíndrico – Lonsdales

lecole_brasil_charutaria_lonsdales-300x40

Havanas com 15 cm de comprimento e diâmetro entre 1,6 e 1,7 cm e, como no caso dos Churchills, deve o seu nome a um aristocrata britânico, Lord Lonsdale, que encomendava charutos com essas dimensões para consumo próprio. Possui uma variedade de aromas e sabores, dos mais leves aos mais potentes.

Cilíndrico – Gran Coronas

lecole_brasil_charutaria_grancorona-300x46

Tem um comprimento entre 14 e 15 cm e seu diâmetro variando entre 1,6 e 1,9 cm, sendo um intermediário entre os tamanhos Corona e Robusto, com grande variedade de aromas e sabores.

Cilíndrico – Coronas

lecole_brasil_charutaria_corona-300x43

Possuem comprimento entre 14 e 15 cm e diâmetro entre 1,5 e 1,7 cm. Um formato bem equilibrado, sendo hoje o charuto de maior sucesso entre os havanas. De fácil manejo, proporciona cerca de uma hora de degustação

Cilíndrico – Robustos

lecole_brasil_charutaria_robustos-300x53

Cerca de 12 cm de comprimento e diâmetro de 2 cm, com agradável caráter aromático e condimentar, um charuto que ingressou nas mais famosas marcas durante os anos entre 1980 e 1990.

Cilíndrico – Petits

lecole_brasil_charutaria_pettists-300x40

Coronas são pequenos charutos que medem 12,5cm e tem diâmetro entre 1,6 e 1,7 cm, sendo degustado tanto por apreciadores de charuto como por fumadores esporádicos. É um sucesso de vendas dentre os havanas, com combustão de cerca de 50 minutos, sendo ideais para uma degustação após as refeições.

Cilíndrico – Très Petits Coronas

lecole_brasil_charutaria_corona-300x43

Pequenos charutos de 11 cm de comprimento e 1,6 cm de diâmetro. Ideais para uma degustação matinal ou para um momento de aperitivo, sendo os preferidos pelas mulheres para sua degustação. Com queima entre 20 e 30 minutos, libera seus sabores e aromas lentamente.

Cilíndrico – Gran Panetelas

lecole_brasil_charutaria_granpanetelas-300x31

Havanas elegantes, com comprimento de 19cm e diâmetro de 1,5 cm. Obtiveram grande sucesso nos anos entre 1960 e 1970. Sua combustão dura cerca de uma hora e, apresentam variações de marca para marca, existindo com dois tipos de cabeça: levemente torcida e arredondada.

Figurados

São charutos que apresentam uma ponta em forma de bicuda, semelhante a um final cônico, com sub-itens como o modelo “Torpedo” (foto acima – também conhecido com pata-de-elefante ou pirâmide), com 14 ou 15cm de comprimento e 2 cm de diâmetro. O bico da ponta serve de amplificador de aromas.

Figurado – Culebra

lecole_brasil_charutaria_culebra-300x79

Com formato exótico feito de até 3 charutos entrançados e amarrados como um só. As três partes devem ser separadas e fumadas uma a uma, geralmente possuem 12 a 15 cm de comprimento e são charutos relativamente raros hoje em dia.

Figurado – Diademas

lecole_brasil_charutaria_diademas-300x42

Charuto muito comprido, cerca de 21 cm ou mais. Tem sua ponta totalmente fechada.

Figurado – Perfecto

lecole_brasil_charutaria_perfectoa-300x51

Similar a um torpedo, apenas com a cabeça arredondada ao invés de pontiaguda, variando muito de tamanho (de 11,5cm até 22cm).

Minicharutos e Panetelas

lecole_brasil_charutaria_grancorona-300x46

São os mais curtos e de menor diâmetro entre os charutos feitos à mão. Medem entre 10 e 11 cm de comprimento (podendo chegar a 17 cm), por 1,2 cm de diâmetro. Também conhecidos como cigarritos. A sua combustão dura cerca de 15 minutos, sendo também muito apreciado pelas mulheres.

 

Fonte: lecolebrasil.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: